Produtora potiguar realiza Festival de Ópera e Concurso Internacional de Canto no México

PIX: 007.486.114-01

Colabore com o jornalismo independente

Sob a direção artística do experiente maestro Linus Lerner, da Orquestra Sinfônica do RN, e a produção assinada por Tatiane Fernandes, da Mapa Produções Culturais, acontece no México o Festival de Ópera Zapopan e o destacado 8º Concurso Internacional de Canto Linus Lerner. O evento ocorre de 3 a 20 de agosto de 2023, na cidade de Zapopan, e conta com o envolvimento de jovens cantores de todo o mundo, bem como professores internacionais renomados.

Com a participação de mais de 80 alunos ativos provenientes de 14 países diferentes, e a presença de 16 professores nacionais e internacionais, o evento é um verdadeiro epicentro do canto lírico e da música operística. Além disso, mais de 10.000 espectadores são esperados para desfrutar os espetáculos.

Mais do que apresentações musicais, as atividades são momentos de descoberta e crescimento artístico. Idealizado pelo maestro e diretor artístico Linus Lerner, o Festival de Ópera de Zapopan visa estimular o desenvolvimento artístico e pessoal dos cantores, bem como promover o conhecimento e o interesse pelo canto lírico no país. O evento é financiado pela SASO (Southern Arizona Symphony Orchestra), onde Linus Lerner também atua como maestro.

“O festival é um local de encontro efervescente para estudiosos e amantes da ópera, oferecendo um ambiente de imersão dedicado ao aprimoramento musical e técnico. Com uma agenda repleta de atividades, o evento inclui recitais, concertos de arias de Ópera, de musica sacra e esambles e produções operísticas (Suor Angelica, Flauta Mágica e La Traviata) completas com orquestra ao vivo”, relata Tatiane Fernandes, diretora da Mapa.

O Festival segue uma sequência de realizações anteriores: três edições do Festival de Ópera de Oaxaca, seguidas de cinco edições do Festival de Ópera de San Luis e uma edição do Festival de Ópera Sin Límites. Ao todo, os festivas produzidos pela dupla residente e atuante no RN, realizou 13 óperas completas com orquestra, destacando-se pela produção profissional de alto nível, desde 2014.

Redação

Redação

Obrigado pela visita!

WhatsApp
Telegram
Facebook
Twitter
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidos do mês