cine curinga

Cine Curinga exibirá 20 filmes potiguares neste sábado em Natal

Redação9 de maio de 2019Agenda, , Image

O Cine Curinga é um evento independente articulado pelo Coletivo Mandinga e pensado como janela para o audiovisual experimental, independente ou “lado B”. Em sua segunda edição, a mostra acontecerá neste sábado no Tropa Trupe, abrigo circense da cidade cujo galpão localiza-se na Fundação Hélio Galvão, na Campos Sales. Dessa parceria nasce um evento de cinema independente com pitadas do mágico universo do circo, contando ainda com música, intervenções, venda de zines, brechó, comes e bebes.

“Essa é uma mostra para trocar figurinhas sobre o aventurar-se pela 7ª arte, compartilhar inquietações, curiosidades, apreciar um pouco de risco e autenticidade, fortalecendo a produção cultural local e os realizadores em seus desafios do fazer acontecer criativo”, explicou os membros do Coletivo Mandinga

Foram 20 obras audiovisuais selecionadas e a exibição será dividida em dois blocos de aproximadamente uma hora cada, com intervalo. A programação está repleta de poesia, musicalidade e provocação, contando ainda com algumas novidades inéditas do audiovisual potiguar! Confira a lista de selecionados:

CINE CURINGA

(BLOCO 1 – 17h45 – 19h)

♦️ Cidadãos Invisíveis – Paulo Dumaresq – 24’
♦️ Tudo o Que Nos Cerca – Rayanna Guesc – 3’14’’
♦️ OFEGO – Átilas Lima – 1’
♦️ A Bailarina – Lucas Argenta – 2’40’’
♦️ Sonâmbulo Sonâmbulo Sonâmbulo – Daniel Nec – 3’23’’
♦️ Desburocratas – Jan Macedo – 3’40’’
♦️ O Grande Amor de um Lobo – Adrianderson Barbosa e Kennel Rógis- 12’
♦️ Feira Livre: Onde o Passado e o Presente se Encontram- Dynho Silva – 8’6’’
♦️ Um Corpo Só – Edmundo Duarte – 1’
♦️ Família Tropa Trupe: O Circo Enquanto Vida – Babi Baracho e Diana Coelho – 16’15’’

(BLOCO 2 – 19h30 – 20h45)

♦️ Observando o Mundo Acontecendo – Carito Cavalcanti- 8’30’’
♦️ O Sul Corpóreo – Wallace Santos – 10’34’’
♦️ AMIÚDE – Ian Rassari – 1’
♦️ Não Rasure – Fernando Medeiros – 10’6’’
♦️ INA – Aldemar Angola – 1’
♦️ Favela – Antonio Gil Leal- 15’50’’
♦️ Modular – Maria de Lourdes – 3’
♦️ Xeque – Mate – Jaya Lupe e Lucas Argenta – 2’44
♦️ Madrigal: um conto de imagens por palavras – Felipe Oliveira e Gustavo Alcântara – 13’
♦️ Rio Cor de Rosa André Rosa – 7’

SERVIÇO:

MOSTRA ALTERNATIVA DE AUDIOVISUAL
DATA: 11/MAIO (SÁBADO)
HORÁRIO: A PARTIR DAS 17H
LOCAL: GALPÃO TROPA TRUPE / FUNDAÇÃO HÉLIO GALVÃO, AV. CAMPOS SALES 930 – TIROL
ENTRADA: 5$ / CRIANÇA ATÉ 10 ANOS NÃO PAGA

Mais informações AQUI

Sobre o autor

Redação

Obrigado pela visita!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *