zila mamede

Eventos celebram 60 anos do livro ‘O Arado’ de Zila Mamede

Redação10 de novembro de 2019Agenda, Literatura, Image

Os 60 anos do livro O Arado, de Zila Mamede, serão comemorados em dois eventos organizados em parceria pela UFRN e Governo do Estado, por meio da Fundação José Augusto. As ações acontecem neste mês de novembro e em dezembro, sediadas na Biblioteca Central Zila Mamede (BCZM).

Na programação, constam exposição, roda de conversa, lançamento da reedição do livro O Arado, apresentação de cordel e concerto musical. Na UFRN, o evento tem o apoio da Pró-Reitoria de Extensão (Proex), Núcleo de Arte e Cultura (NAC) e BCZM.

Na próxima quinta-feira, 14, será realizada uma roda de conversa com Diva Cunha, Tarcísio Gurgel e Vicente Serejo, às 9h, no auditório da BCZM. Após a conversa, acontece uma visita guiada à Sala Zila Mamede, que conta com um variado acervo de documentos e livros doados pela família da autora. No hall da BCZM será disponibilizado também um mural expositivo sobre a vida da escritora.

O outro evento comemorativo dos 60 anos do livro acontece no dia 14 de dezembro, às 9h, com o lançamento da reedição de O Arado e do Jornal O Galo. Em seguida, o poeta Marciano Medeiros apresenta o cordel História de Zila Mamede. Para encerrar a programação, a cantora paraibana Socorro Lira interpreta músicas inspiradas na obra de Zila Mamede.

O Arado

A obra completa O Arado é composta por 19 poemas, que tratam temáticas ligadas a lembranças de vida da autora, misturando as experiências vividas no campo e a vivência de moça da cidade.

Lançado em 1959, o livro é considerado um marco para a vida e a carreira da poeta, nascida em Nova Palmeira, na Paraíba. O terceiro livro da trajetória poética de Zila Mamede foi publicado pela editora carioca Livraria São José.

Zila Mamede foi fundadora do Sistema de Bibliotecas da UFRN, diretora por 21 anos da BCZM e incentivou a criação do Departamento de Biblioteconomia da Instituição.


Siga nossas redes sociais!

Papo Cultura no Youtube
Papo Cultura no Facebook
Papo Cultura no Instagram
Papo Cultura no Twitter

Sobre o autor

Redação

Obrigado pela visita!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *