Os produtores culturais baianos, Fernanda Sinhá e Anderson Gavião, são os convidados para a segunda live do projeto de cobertura nacional “Incubadora Preta”, que acontecerá neste sábado (17), às 19h, no Instagram do projeto, com o tema “Cultivando Produções Pretas”, contando com a mediação da poeta potiguar Rosy Nascimento.

A live visa discutir sobre as trajetórias, desafios e conquistas de ser um produtor negro dentro do cenário cultural no Brasil. A Incubadora Preta oportuniza a criação de um espaço virtual de formação para novos agentes culturais negros, com ações de articulação e formação para o mercado de produção cultural brasileiro.

A ideia é desenvolver conceitos de pré-produção, produção e pós-produção, fomentando a criação de projetos artísticos para editais de captação de recursos.

“Somos agentes mobilizadores de cultura dentro do nosso território. O meu maior desafio é ter legitimada a minha trajetória enquanto articulador na resolução dos problemas identificados e em proposições culturais que geram uma nova perspectiva para a vida da comunidade negra”. É o que acredita o coordenador e ministrante da Incubadora Preta, Emiade.

Nas duas primeiras edições, a Incubadora Preta já dialogou com 40 pessoas dos estados do Ceará, Sergipe, Bahia, São Paulo, Minas Gerais, Espírito Santo e Rio Grande do Sul, com o objetivo de desenvolver habilidades de produção e gestão cultural para editais de incentivo a partir da perspectiva afrocentrada.

A iniciativa “Emoriô – Projetos Culturais” foi convocada nesta edição de 2021, através da produtora Fernanda Sinhá, que atua em parceria com Anderson Gavião, com o objetivo de auxiliar no processo de democratização do acesso aos bens culturais brasileiros, através de ações que promovam formação, capacitação, instrumentalização de agentes culturais e lideranças negras mobilizadoras de projetos que difundem as manifestações culturais negras em comunidades periféricas brasileiras.

Serviço:

Data: 17 de abril de 2021

Horário: 19h

Local: @incubaorapreta (Instagram)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *