wagner-willian-silvestre

Potiguar vence Prêmio Jabuti com História em Quadrinhos

Sérgio Vilar30 de novembro de 2020Literatura, , Image

O Prêmio Jabuti é das referências máximas no campo literário. Há três anos passou a premiar, também, escritores de histórias de quadrinhos. Essa inclusão se deu por insistência do potiguar Wagner Willian, radicado em São Paulo há umas décadas.

Semana passada o Jabuti divulgou os premiados e Wagner Willian recebeu o primeiríssimo lugar na categoria História em Quadrinhos pelo novo trabalho intitulado Silvestre, lançado pela DarkSide Books. Isso poucas horas depois de ser anunciado vencedor na categoria Melhor Colorista do Troféu HQMix 2020, outra premiação respeitada no meio da HQ.

Esse é o segundo Jabuti de Willian, que saiu vitorioso na categoria Ilustração há cinco anos. Em 2020, o quadrinista competia com nomes como Orlandeli, Clarice Hoffman, Yuri Andrey e Marcelo Costa

Wagner Willian

Wagner Willian, 42, é também pintor, desenhista e escultor, com formação em propaganda e marketing. Vive há uns 30 anos em São Paulo onde já realizou exposições de arte.

Tem também um livro intitulado Lobisomem Sem Barba, lançado em 2014 pela Balão Editorial. Este livro chegou à segunda colocação do Prêmio Jabuti como Melhor Ilustração.

Já como quadrinista, o primeiro trabalho, Bulldogma (2016) também foi destacado no Jabuti como uma das dez finalistas na categoria HQ.


Com informações do Omelete.

Sobre o autor

Sérgio Vilar

Jornalista com alma de boteco ao som de Belchior

COMMENTS

Jania Souza

Parabéns Wagner William pelo seu grandioso prêmio Jabuti agregador de excelência ao seu trabalho mundialmente! Orgulho para os potiguares. Aplausos entusiásticos!!!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *