ana claudia trigueiro

Romance ambientado em 1920 e 1940 em Natal terá segunda edição neste sábado

Uma história que resistiu ao tempo. Um amor que não sucumbiu aos infortúnios. Uma narrativa que vai conquistar o seu coração. É assim que o romance “Francisca” promete cativar o leitor ao contar a história das irmãs Francisca e Clotilde, ocorrida entre os anos 1920 e 1940. A obra, da autoria da escritora Ana Cláudia Trigueiro e editada pela CJA Edições, será lançada no próximo sábado (06) a partir das 16h no Centro de Turismo.

O local escolhido para o evento não é por acaso. O prédio histórico, que já funcionou como um presídio, abrigou também o antigo Orfanato Padre João Maria, que acolheu as duas irmãs, personagens reais do romance, após perderem o pai. Lá, elas vivem os dissabores de serem tratadas como órfãs, mesmo tendo uma mãe que, impossibilitada de assumir a criação delas sozinha, é obrigada a deixar a filhas no orfanato.

Lá, as meninas são recebidas pelas freiras e colocadas no convívio com outras internas, com quem dividem tristezas, dores, anseios e obrigações da rotina imposta pelas religiosas, enquanto sonham em sair daquele lugar e retomar a vida com a mãe. O destino, no entanto, lhes reserva outras surpresas.

NATAL ANTIGA

Ambientado no cenário da Natal antiga, o livro convida o leitor a passear pelas ruas dos bairros da Ribeira e Cidade Alta, onde a vida da cidade pulsava entre casarões imponentes e o comércio fervilhante. E também leva a testemunhar o sobrevoo do dirigível alemão, a dar um passeio no bonde elétrico e a conhecer como era a rotina dos natalenses durante o período da grande guerra.

Formada em Psicologia e apaixonada por literatura, Anna Cláudia Trigueiro já foi premiada em alguns concursos literários e esta é a segunda edição do seu quarto livro, de um total de seis. Todos retratam histórias e lugares da terra potiguar em contos e romances. Além de Francisca, suas principais obras são o romance “O mistério do Verde Nasce”, os contos “A ira de Judas” e o infantil “João e Maria do engenho”.

A editora CJA Edições atua no mercado há sete anos e já publicou mais de 200 títulos, a maioria de autores potiguares e dos mais diferentes gêneros: romance, poesias, ficção, contos e infanto-juvenis.


Já segue o instagram do Papo Cultura?

Sobre o autor

Redação

Obrigado pela visita!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *