Para amanhecer poesia de Lou Vilela

PIX: 007.486.114-04

Colabore com o jornalismo independente

AUSÊNCIA II

Toca-lhe a seda…
mas o corpo clama por
impressões digitais.

(Lou Vilela)

Sérgio Vilar

Sérgio Vilar

Jornalista com alma de boteco ao som de Belchior

WhatsApp
Telegram
Facebook
Twitter
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *