Banda Marinheiro Porre lança disco inspirado na música indie dos 60 e 70

PIX: 007.486.114-04

Colabore com o jornalismo independente

A banda Marinheiro Porre traz um deja-vú às experimentações da primeira onda do psicodelismo em seu primeiro EP. Intitulado “Jornada”. O trabalho conta com cinco faixas que exibem forte influência dos movimentos musicais de vanguarda dos anos 60 e 70, passeando também pelo Indie e Hard Rock.

Marinho Porre é formada por Kevin Arend (vocal e guitarras), Marcelo Maroja (teclados e synths), Matheus Lima (baixo) e Marcos Mar (vocal e guitarras). O grupo começou como uma brincadeira sonora entre amigos do ensino médio, residentes em Natal e Parnamirim.

Gravado e produzido pela própria banda, “Jornada” é descrita pelo grupo como uma “opereta-rock” que conta a história de uma menina que tem, pela primeira vez na vida, a oportunidade de ver o mundo fora do mar.

O EP sai pelo selo potiguar Nightbird Records, e é o primeiro lançamento da gravadora em 2019.

OUÇA “JORNADA” clicando AQUI.

Link do youtube

Escutem! Trabalho bem feito, muito bem pensado. Ousado se pensar na proposta temática, um disco conceitual. Nem parece uma garotada tão jovem ou um disco de estreia.  Letras bem casadas com os arranjos lúgubres, realmente com cheiro de nostalgia. Parece uma mescla daqueles vinis do fim da década de 60 até meados de 70 com a sonoridade do Radiohead. Para ficar de olho nessa galera.

Redação

Redação

Obrigado pela visita!

WhatsApp
Telegram
Facebook
Twitter
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *