Iury Matias quer lavar o mundo com sons em novo EP

iury-matias-foto-de-luana-tayze

PIX: 007.486.114-04

Colabore com o jornalismo independente

Iury Matias lançou seu primeiro trabalho solo, “Nova Chance” (confira AQUI) em todas as plataformas digitais, acompanhado de um quinteto de músicos excepcionais.

Com uma lista de concertos pela Europa, África e Brasil, o guitarrista e compositor potiguar traz no background belas produções nacionais e internacionais, e apresenta neste EP uma amálgama de sons entre suas raízes culturais e as influências adquiridas pelo mundo.

Gravado em Natal, no estúdio Promídia por Paulo de Oliveira e por Toni Gregório, mixado e masterizado nos estúdios Megafone por Eduardo Pinheiro, o EP 100% autoral distribuído pela Tratore, traz as faixas “Baião pro Céu”, “Feijão de Mainha”, “Mayo” e “Nova Chance”.

A banda é formada pelos músicos Filipe Morais (contrabaixo acústico e baixo fretless), Diego Silva (bateria), Emerson de Oliveira (piano), Paulo Silva (saxofone), Kleber Moreira (percussão) e participação especial de Bruno Cirino (sanfona). A fotógrafa Luana Tayse é responsável pela foto da capa, que tem design de Caio Vitoriano.

O projeto foi realizado com recursos da Lei Aldir Blanc Rio Grande do Norte. Fundação José Augusto, Governo do Estado do Rio Grande do Norte, Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo e Governo Federal.

Iury Matias

O músico excursionou com seu trabalho solo e acompanhando artistas e grupos por várias cidades em Portugal, Espanha, Bélgica, Itália, Suíça e Cabo Verde.

Atuando como produtor musical compôs, arranjou, produziu, gravou e dirigiu trabalhos de artistas portugueses somando álbuns, EPs e singles, atuando com Mia Passo, Denize Machado, Iúri dos Santos, Rui David, Noa, Marina Pacheco, Vanessa Sassine e no Brasil, com Coisa Luz, Iyalê, Riccelly Guimarães, Caio Padilha, Silvia Sol, Bruna Hetzel, Cínthia, 3 da Matina, Boa Ideia trio.

Como produtor cultural executou projetos envolvendo artistas de várias nacionalidades durante o período em que viveu na Europa e voltando a Natal, promoveu atividades socioculturais em instituições diversas de ensino.

Iury Matias é licenciado em música (UFRN), foi professor em escolas da rede pública e privada em Natal.  Realizou através do SESC, SESI, CCBNB e prefeituras de cidades no Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco e Ceará, o projeto de concertos didáticos intitulado “Aula Show”.

Viveu em Portugal, onde foi professor de violão, guitarra, harmonia, formação musical e prática de conjunto na escola de artes Palco Central.

Fez shows com o projeto MODULATUS, com o qual gravou o álbum homônimo, e realizou debates com músicos brasileiros e estrangeiros e shows ao vivo nas redes sociais, bem como executou a semana de masterclasses intitulada “Nordeste Guitar Classes”, onde reuniu guitarristas de diferentes estados do Nordeste do Brasil em aulas virtuais em 2020, diante da pandemia gerada pela COVID-19.

Iniciou 2021 produzindo o álbum “Afroameríndia”, do grupo Coisa Luz, para quem fez arranjos, produção e direção musical, gravou guitarras no EP da artista potiguar Yialê, do cantautor Lupe Albano e segue produzindo o EP da cantautora Cínthia, a ser lançado no segundo semestre de 2021.

Ouça o EP Nova Chance: https://tratore.ffm.to/novachance

Redação

Redação

Obrigado pela visita!

WhatsApp
Telegram
Facebook
Twitter
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *