Espetáculo Meu Seridó será apresentado nesta quinta e sexta na UFRN

Dentro dos projetos de apresentar de forma interdisciplinar a “Cultura Sertaneja” para os alunos do 8º Ano e do “Desbravando o Sertão do Seridó” com os alunos do 5º Ano do Ensino Fundamental do colégio CEI Romualdo, nesta quinta (30) às 15h e sexta (31), às 8h, os alunos assistirão ao espetáculo Meu Seridó na Escola de Música da UFRN.

A peça sonhada pela atriz potiguar de destaque nacional, Titina Medeiros, tem direção de César Ferrario, texto de Filipe Miguez (autor da novela Cheias de Charme) e produção da Casa de Zoé. O espetáculo aborda a cultura potiguar com enfoque na condição da mulher no sertão, a extinção do indígena em detrimento do boi e a desertificação, na luta diária pela sobrevivência como força bruta do ser.

A diretora adjunta do CEI Romualdo, Flávia Nóbrega, destacou que será uma oportunidade especial para os alunos conhecerem mais a história potiguar dentro do projeto pedagógico de apresentar a cultura sertaneja, aspectos naturais e econômicos desenvolvido nas disciplinas de Língua Portuguesa, História, Geografia, Arte e Educação Física.

“Por meio da arte, os alunos vivenciarão uma experiência lúdica de conhecimento da nossa riqueza histórica e cultural do Rio Grande do Norte, com oportunidade, ainda, para problematizar os elementos constituintes da linguagem teatral de forma teórico-prática”, explicou.

Para o diretor do espetáculo, César Ferrario, a narrativa é constituída por uma linguagem de cunho popular, “transita pela história do Seridó em seus espelhamentos terrenos, desde a chegada do homem andino até a vinda do vaqueiro e do português. O entrelaçamento dessas raças perpassa as histórias que vão sendo contadas ao longo do espetáculo”.

SERVIÇO

Espetáculo Meu Seridó
Dias: Quinta, 30, às 15h na Escola de Música da UFRN (alunos 8º ano)
Sexta, 31, às 8h, na Escola de Música da UFRN (alunos 5º ano)

Ingressos a R$ 20 pelo contato: 9 8816-4593 ou na hora.


FOTO: Brunno Martins

About The Author: Sérgio Vilar

Sérgio Vilar

Jornalista com alma de boteco ao som de Belchior

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *