Guilherme Nunes da Rosa

INarteurbana trás 20 artistas nacionais e internacionais a Natal nesta terça

Redação31 de maio de 2019Agenda, Artes Visuais, Image

Entre 4 e 14 de junho o Passo da Pátria volta a ser o terreno para intervenção de artistas locais e nacionais, através da residência de lançamento da quinta edição INarteurbana. Um total de 20 artistas do Brasil e do exterior realizarão intervenções visuais e compartilharão vivências durante duas semanas com os moradores da comunidade, através da residência do projeto.

Os artistas visuais participantes são: Amanda Pietra [PE], Cris Rodrigues [SP], Guinr [RS], Karen Dolores [SP], Lucho [EQU], Moka [AP], Nata Família [RJ], Pomb [DF], Rocha [MA], Toliga [RN], Wes Gama [GO]. Borges [RN], Bruno Otávio [RN], Clara Felix [RN], Erre [RN], Gil Leal [RN], Gurulino [DF], Hey Rena [RN] e Hirlan [CE, convidado pelo Festival Concreto].

Nesta edição do INarturbana, o projeto apresenta a comissão julgadora formada pelos artistas Difuz (Marseille – França), Alex Parrish (Atlanta – Estados Unidos), Arthur Doomer (Teresina – PI), Lelo (Rio de Janeiro – RJ), além da equipe INarteurbana em Natal e Paris.

Residência e exposição

Os artistas ficarão reunidos em Natal por cerca de 15 dias, pintando murais e realizando atividades com jovens do bairro Passo da Pátria, através de intervenções culturais e oficinas. As pinturas produzidas se juntarão aos trabalhos realizados em edições anteriores por outros artistas que participaram do projeto, ampliando a visão de um museu a céu aberto com a quantidade e variedade artística.

No mesmo período desenvolverão um trabalho de atelier na Casa Vermelha, realizadora do projeto. Os quadros e instalações produzidos nessa ação serão expostos na Galeria Newton Navarro, Capitania das Artes, através de uma mostra que será aberta no dia 13 de junho a partir das 17h. Na abertura haverá apresentações de Break Dance, Hip Hop e DJ. A coletiva ficará aberta ao Público até 14 de julho com entrada franca.

Além da residência no Passo da Pátria e da mostra na Capitania, estão programadas as mesas redondas “Mulheres no Universo da Arte Urbana” no Museu Café Filho no dia 6 de junho às 18h; e “Ocupação de Espaço Público com projetos sócio-culturais” na UFRN no dia 20 de junho a partir das 18h.

INarteurbana

Idealizado pelas produtoras Agathae Montecinos, Sayonara Pinheiro e Nizia Montecinos, o INarteurbana é um projeto sociocultural e transdisciplinar de ativação de espaços públicos através de ações artísticas. Através de ações regulares desde 2016, a ação tornou-se um ponto de encontro da cena da arte urbana nacional e internacional, principalmente através de residências artísticas promovidas pontualmente e que contribuem para a vida cultural da cidade e fortificam a relação entre públicos, artistas, agentes e instituições.

Com base no Ponto de Cultura Casa Vermelha, a INarteurbana se instalou no Passo da Pátria, um bairro periférico natalense marcado pelo desenvolvimento de dispositivos de animação e ações artísticas envolvendo artes visuais, artes cênicas, urbanismo tático e bem-estar.

O projeto é uma realização da associação franco-brasileira Pixo, e do ponto de cultura e residência artística Casa Vermelha, patrocinado pela Fundação Air France, com o apoio do Consulado Geral da França em Recife, Instituto Francês no Brasil, Festival de Arte Urbana Concreto, Prefeitura de Natal, Fundação Capitania das Artes, SEMURB-RN, SETHAS-RN, Escola Municipal Mareci Gomes, Sherwin Williams, Jamad Madeiras e Ferragens, Rádio comunitária e Grupo de idosos do Passo da Pátria.

ARTISTAS SELECIONADOS

Wes Gama

Goiano nascido em Uruaçu (GO), é artista visual, muralista e ilustrador todidata. Se inseriu nas artes urbanas nos anos 2000 através do graffiti. Suas obras destacam os elementos das raízes do povo brasileiro, a natureza, o cotidiano, os saberes e o imaginário da cultura popular dos povos do Cerrado. Seu trabalho possui características peculiares, que tornam suas obras sempre reconhecidas através das cores e traços que refletem na identidade e conceito das obras.

Thales

Originário de Brasília, adotou Pomb como assinatura para seus graffitis. Foi com o spray que ele iniciou sua trajetória. Hoje seu trabalho é resultado da influência de técnicas de desenho e da expertise acadêmica com a prática da arte de rua. O graffiti foi e continua sendo um dos seus principais trabalhos.

Toliga

Artista urbano Natalense com trabalhos nas ruas de Natal, J. Pessoa, Recife, Salvador, S. Paulo, Fortaleza e Rio de Janeiro. Seus traços é uma referência forte do cordel, misturado um pouco de pop art. Uma das suas maiores referências é o artista Speto, onde o mesmo mistura os traços do cordel com cores quentes.

A Nata Família

Coletivo de street art do Rio de Janeiro que, desde 2008, está presente e atuante nas ruas. Especializados na técnica do stencil navega na produção de imagens em múltiplas camadas e, com o passar dos anos iniciou a produção de imagens em preto e branco, com a sintetização de diversas camadas em efeitos que misturam realismo e abstração.

Moara Negreiros (Moka)

Acreana criada em Macapá-AP. 28 anos. Mãe de dois meninos. Formação em Design Gráfico, virou Artista. Mas já se aventurava nas artes, oficinas e produções culturais desde 2011 pelo Coletivo Catita Clube (Macapá-ap). Apaixonada pelas expressões artísticas da rua, se dedica ao Graffiti, lambe, viciada em Stickers.

Karen Dolorez

Artista têxtil e visual, residente de São Paulo/SP, Brasil. Com foco na arte contemporânea e street art, suas obras, provocativas, envolvem questionamentos relacionados à ocupação de espaços públicos, questões sociais, políticas, de gênero e pessoais. A intenção de seus trabalhos é de provocar experiências sensoriais reflexivas, através das texturas e do próprio toque.

Amanda Pietra

Mulher nordestina lésbica, traz em seus projetos autorais discussões que evidenciam questões de gênero e raciais. Autodidata, iniciou seu percurso na imagem em 2011, e aos 21 anos é Graduada em Fotografia pela Universidade Católica de Pernambuco. Nascida em Garanhuns-PE, reside em Recife há 4 anos.

Lucho

Designer gráfico, nascido in Loja , Equador em 1989, mas radicado em na capital Quito, estudou no Instituto Metropolitano de Designer. Entre seus primeiros projetos está a busca pela educação bilíngue através de oficinas artísticas volatdas paras as crianças da comunidade de Trojaloma.

Romildo Rocha

Artista visual de São Luís que trabalha aspectos da cultura e do cotidiano nordestino em ilustrações e murais pela cidade. Inspirado fortemente pela Literatura de Cordel e pela xilogravura – reprodução de imagens a partir de madeira entalhada, revela os encantos regionais, desde a quebradeira de coco, a lida dos vaqueiros com o gado até às nuances dos sotaques de bumba-meu-boi em uma linguagem visual própria.

Lannes

A ilustração esteve fortemente presente desde a infância de Iannes. Em seu trabalho, ele busca explorar as diferentes imagens e sentidos presentes no corpo humano, a fim de mostrar a imensidão de possibilidades que encontramos em nosso corpo, reinventar os conceitos e simbologias que usamos através das mãos, criando assim, uma composição entre a obra e a cidade.

Digo Cardoso

Autodidata e encontrou na arte urbana seu meio de expressão. É pioneiro no graffiti de Chapecó e desde 2003 participa de diversas exposições e projetos além dos limites de Santa Catarina.Seu interesse de evoluir artisticamente vai além de galerias e exposições sendo esse um ponto de partida para algo ainda maior, acreditando que oficinas, workshops, vivências e trabalhos sociais, transformarão o mundo, as pessoas e comunidades.

ARTISTAS CONVIDADOS

Bruno Otávio

Artista residente no Passo da Pátria, trabalha com graffiti há 6 anos. Predileção pelas caveiras e letras, ele participou do On Area Street Art e do Natal Graffiti Expo.

Marcelo Borges

Morador do Passo da Pátria, Marcelo Borges atua no graffiti desde 1990. Autodidata, ele já participou de inúmeros mutirões de artistas no Passo da Patria, Rio do Fogo, Campo Redondo e Punaú.Borges é um dos artistas convidados do INarteurbana, ele participará das nossas vivências e ações em colaboração com os moradores da comunidade do Passo da Pátria.

Erre Rodrigo

Formado em Geologia e mineração pelo IFRN, Trabalha há alguns anos com o graffiti, participando de mutirões no Passo da Pátria, África, Moskito entre outros bairros de Natal. Tendo como últimos trabalhos o mural do Sesc Cidade Alta, Beco da Lama, e painel no Hospital Infantil Varela Santiago.

Clara Felix

Artista plástica e urbana. Não se restringe ao uso de materiais e superfícies, indo do lápis grafite ao uso do spray, tinta acrílica, óleo e aquarela. Fascinada por cores, suas criações são sempre vibrantes, trazem padrões, estampas e ilustrações. Suas influências e inspirações se encontram nas formas orgânicas encontradas na natureza e nos comportamentos das pessoas.

Gil Leal

Foi o organizador do espaço autônomo Fábrica de Inventos, criando objetos. Encabeçou atividades de pintura mural na implementação do projeto vila território criativo. Participou da exposição no SESC “siso oro/imagens falantes”, com o tema dos orixás ainda sobre verso de banner, que circulou em diferentes cidades do RN, participou em 2018 do evento arte no muro do SESC sendo a marcante primeira experiência de pintura em grande proporção.

Hirlan

Natural de Fortaleza, o primeiro contato de Hirlan com as artes visuais foi através da pintura, em 2010, como aluno do curso de pintura em tela no C.J.D.B – Centro Juvenil Dom Bosco. Com o graffiti logo depois, em 2011, ano em que entra para o crew A.D.R – Arte de Rua. Já em 2012 começa um trabalho solo e cria o personagem apelidado por “Anunnaki” uma mistura de seres místicos; animais, máquinas e mulambos. Sempre em diálogo com meios urbanos e usando de inspiração traços de civilizações antigas; simbologia, astronomia, natureza, matemática, religião, cultura popular nordestina.

SERVIÇO

INarteurbana 2019
Residência no Passo da Pátria: 4 a 14 de junho
Exposição Galeria Newton Navarro Capitania das Artes: 13 de junho a 14 de Julho

Sobre o autor

Redação

Obrigado pela visita!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *