Som da Mata deste domingo homenageia Dia Nacional do Choro

PIX: 007.486.114-04

Colabore com o jornalismo independente

O Som da Mata abre as comemorações do Dia Nacional do Choro com a apresentação do Choro Real, nesse próximo domingo. Composto por artistas potiguares com formação instrumental e regional, o Choro Real promove a divulgação de ritmos especificamente populares do cancioneiro brasileiro.

O grupo é formado pelos músicos Alexandre Moreira no bandolin, Gustavo Medeiros no cavaco, França no violão sete cordas e Deo no pandeiro. Juntos somam mais de 15 anos de experiência divulgando esse gênero. Na ocasião, o grupo receberá o instrumentista Fernando Botelho no violão sete cordas, que fará um passeio pela história desse gênero executando clássicos e músicas autorais, apresentados em uma abordagem contextualizada com dados históricos e biográficos das obras executadas e seus compositores..

Com arranjos próprios e criativos, o público pode apreciar as várias vertentes do choro como choros brejeiros, morosos, sincopados que dialogam com ritmos menos contemporâneos como polcas, maxixes, lundus, buscando na relação do novo com o eterno, o choro enquanto linguagem, alma e patrimônio brasileiro.

O Som da Mata acontece graças à renúncia fiscal da Prefeitura através da Lei Djalma Maranhão e do aporte financeiro da Unimed Natal, CEI Romualdo Galvão e Intercity Hotels, além do apoio do Governo do Estado através do Idema que cede o espaço onde acontece o evento.

SERVIÇO

Show: Choro Real
Local: Anfiteatro Pau-brasil | Parque das Dunas
Endereço: Av. Alexandrino de Alencar, s/nº – Tirol
Dia: 22 de abril
Hora: 16h30
Acesso ao Parque: R$ 1,00 (um real) – O espetáculo é gratuito!
Fone: 3201 3985

Sérgio Vilar

Sérgio Vilar

Jornalista com alma de boteco ao som de Belchior

WhatsApp
Telegram
Facebook
Twitter
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *