Mulherio discute livro sobre escritoras excluídas da historiografia literária

PIX: 007.486.114-04

Colabore com o jornalismo independente

O Mulherio Nísia Floresta (@mulherionisiafloresta) promoverá mais uma discussão literária neste sábado (9), a partir das 15h, na Livraria Nobel do Praia Shopping. O evento, aberto ao público geral, vai debater o livro “MEMORIAL DO MEMORICÍDIO”, organizado pela escritora e pesquisadora Constância Lima Duarte, contando com a participação de outras 18 pesquisadoras.

O objetivo é dar visibilidade às antigas escritoras, abordadas no livro. Alguns dos 40 nomes nunca foram mencionados nas histórias literárias; outros, apesar da calorosa recepção que tiveram de leitores ilustres, como Machado de Assis e Olavo Bilac, também foram excluídos do cânone por uma historiografia e uma crítica de perspectiva masculina. A exemplo, estão neste primeiro volume alguns nomes como Antonieta de Barros, Bárbara Heliodora, Delfina Begnina, Júlia Lopes de Almeida, Joana Manso, Maria Firmina, Maura Lopes Cançado, entre outras.

Constância Lima Duarte

Natural de Januária/MG, Constância Lima Duarte é pesquisadora do CNPq, doutora em Literatura Brasileira pela Universidade de São Paulo e mestre em Literatura Portuguesa pela PUC-RJ.

Em 1996, aposentou-se pela UFRN e, em 1998, assumiu a Cadeira de Literatura Brasileira da Faculdade de Letras da Universidade Federal de Minas Gerais, em Belo Horizonte, através de concurso público.

No pós-doutorado, realizado em 2002 e 2003 na UFSC e na UFRJ, desenvolveu o projeto “Literatura e Feminismo no Brasil: trajetória e diálogo”. Pesquisadora do Centro de Estudos Literários da UFMG, coordena os grupos de pesquisa Letras de Minas e Mulheres em Letras.

@constancialimaduarte

_______

A ação é fruto de uma parceria com a @nobelnatal e conta com o apoio da @cooperativacultural e do sebo @terceiramargemdolivro

————

CRÉDITO DA FOTO: Izabel Chumbinho

Redação

Redação

Obrigado pela visita!

WhatsApp
Telegram
Facebook
Twitter
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *