Peça de Plínio Marcos encerra Festival Território Cênico neste FDS

O Festival Território Cênico está chegando ao fim de suas apresentações trazendo para a quadra do TECESOL, neste sábado e domingo, mais uma estreia do grupo Facetas, Mutretas e Outras Histórias. Dessa vez o grupo do Conjunto Pirangi estreia o espetáculo A Jornada de um Imbecil até o Entendimento, de Plínio Marcos, trazendo a política como tema central.

O Festival também encerra a programação musical com o pocket show da maravilhosa e bastante conhecida do público natalense, Família Pádua. Lembrando que além das apresentações o Território Cênico dispõe de feira de artesanato e praça de alimentação.

FESTIVAL TERRITÓRIO CÊNICO

O “Festival Território Cênico – 1° Edição” vem acontecendo desde 08 de setembro e é uma ação de fruição e formação teatral idealizado pelos grupos: Estação Teatro; Facetas, Mutretas e Outras Histórias; além das produtoras Casa de Zoé; e BOBOX Produções, agentes criativos sediados no TECESOL (Território de Cultura, Educação e Economia Solidária) em Neópolis, Natal.

O Festival foi contemplado pelo edital Território das Artes Cênicas, promovido pela Prefeitura do Natal através da Funcarte. De lá pra cá foram 11 apresentações teatrais, Intercâmbio com a Cia. Armazém do RJ e ainda a oficina “O Ator em Cena” que será realizada entre os dias 05 e 09 de novembro.

TECESOL

O TECESOL fica na Rua Governador Valadares, nº 4853, perpendicular à Av Ayrton Senna em Neópolis, pela altura da lagoa de captação do Jiqui. Trata-se de um território coletivo onde se desenvolvem diversas atividades, tais como: criação, montagem e manutenção de espetáculos teatrais, oficinas formativas, intercâmbios com grupos externos e atividades administrativas. Juntos, os quatro coletivos realizadores do Primeiro Festival Território Cênico pretendem potencializar este espaço como mais um território de fruição artística da cidade do Natal.

A JORNADA DE UM IMBECIL ATÉ O ENTENDIMENTO

A Jornada de um Imbecil até o Entendimento é uma peça do dramaturgo Plínio Marcos. Essa fábula teatral bem-humorada teve sua primeira versão escrita em 1960, mas sua história continua muito atual.

Movido pelo desejo de montar um espetáculo que se relacionasse com o momento de crise política que vive o Brasil, e com o entendimento de que o fazer teatral é um ato político, o Grupo de Teatro Facetas mergulha no texto de Plínio para revelar os bastidores, os conchavos, os segredos e as manobras políticas que estão por trás daqueles que exploram e iludem a sociedade para se perpetuarem no poder.

Em uma realidade paralela, política e religião se unem para manter o poder na mão de seus líderes, tudo parecia muito bem até que as coisas começam a mudar a partir da organização de seus trabalhadores.

Ficha Técnica

Dramaturgia: Plínio Marcos
Direção: Enio Cavalcante
Elenco: Bruno Coringa, Giovanna Araújo e Rodrigo Bico
Trilha Sonora: Enio Cavalcante
Figurinos e Adereços: Grupo Facetas
Cenário e Iluminação: Enio Cavalcante
Fotografias: Enio Cavalcante e Rodrigo Bico

FAMÍLIA PÁDUA

A Família Pádua é formada pelos artistas: Antônio de Pádua, compositor, arranjador e multi-instrumentista, Roberta Karin (voz e percussão ), e o filho, João Vitor, flautista de apenas 15 anos. Dessa vez eles trazem o repertório de seu show “Sotaques Brasileiros”.

PROGRAMAÇÃO:

20/10 (sábado)

17h – Abertura da feira de artesanato e Praça de Alimentação
18h – “A Jornada de um Imbecil até o Entendimento”
19h30 – Pocket show da Família Pádua

21/10 (domingo)

17h – Abertura da feira de artesanato e Praça de Alimentação
18h – “A Jornada de um Imbecil até o Entendimento”

NOVEMBRO

05 a 09/11 – 19h às 22h – Oficina “O ator na cena”, ministrada por Rogério Ferraz Vagas Limitadas!

Com foco no trabalho do ator, a oficina busca dar estímulos e fundamentos norteadores para a criação autoral. O gesto, o corpo, a voz e a narrativa serão utilizados como dispositivos criativos para as experimentações cênicas a partir de fragmentos de textos dramatúrgicos, incluindo textos do livro*: “Guerra, Formigas e Palhaços”.

A partir dessas vivências serão levantadas cenas com os alunos, fazendo com que eles coloquem em prática tudo o que foi vivenciado durante o processo da oficina e aperfeiçoem sua técnica na criação de personagens. A idade mínima para participar da oficina é 18 anos, e seu custo é de R$ 100,00. Inscrições: bit.ly/oficinaterritoriocenico

INGRESSOS DO FESTIVAL**:

Estão sendo vendidos no Sympla: AQUI ou na barbearia Compadre Barber Shop (Av. dos Ipês, 742 – Neópolis)

E também serão vendidos na hora, nos respectivos dias do festival a partir das 17h. Valores: R$ 40,00 (inteira) | R$ 20,00 (meia)

*A meia entrada para Est./idoso/prof. – está conforme o limite de 40% da lotação do teatro, de acordo com decreto nº 8.537 de 5 de outubro de 2015 que regulamenta a nova lei da meia-entrada – Lei n° 12.933/2013.

**A venda de ingressos no dia é feita no dinheiro e no cartão.

***Moradores do bairro Neópolis, levando comprovante de residência pagam meia.

_______________________

Realização: Grupo Estação de Teatro, Grupo de Teatro Facetas, Mutretas e Outras Histórias; Casa de Zoé e Bobox Produções.

Apoio: Rocha Iluminações, Offset gráfica e editora, Compadre Barber Shop, Pimenta de Cheiro e Nayara Christine Produção de Eventos.

Patrocínio: Prefeitura do Natal

About The Author: Redação

Redação

Obrigado pela visita!

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *