Cores com sotaque potiguar: Mossoró recebe criação de 160 artistas do RN

antonio-roseno-de-lima

PIX: 007.486.114-04

Colabore com o jornalismo independente

 

Os Salões Cores do Interior e o VI Salão Dorian Gray se configuram como o maior encontro de artes plásticas do Estado no ano de 2021. Mostra diversa e abrangente do que se produz em terras potiguares. Em Mossoró os salões abrem dia 29 de setembro (quarta), às 17h, e podem ser visitados até 15 de outubro (sexta), no teatro Lauro Monte Filho. Logo após, a capital potiguar também vai receber respectivos salões.

Destinada a todos, sem cobrança de ingressos, mas obedecendo aos protocolos de prevenção da Covid e higiene adotados pelo Ministério da Saúde e pela Secretaria Estadual de Saúde, a visitação ocorre em horários e dias alternados para evitar aglomerações. As terças e quartas, durante a manhã, as exposições podem ser visitadas das 8h30 às 12h. Já no período da tarde, nas quintas e sextas, o horário é das 15h às 18h.

Os Salões levam a Mossoró obras de 160 artistas. Consagrados e revelações, digamos assim, de novos talentos, que expõem pinturas, esculturas, fotografias, desenhos e instalações. Muitas das obras participantes estarão disponíveis para comercialização diretamente com os artistas que a produziram.

FESTIVAL CORES DO INTERIOR

O Festival Cores do Interior é uma iniciativa da Sociedade dos Amigos da Pinacoteca Potiguar (SAPP) e conta com o apoio da Lei Aldir Blanc – Governo Federal, Ministério do Turismo e Secretaria de Cultura, Governo do RN – Fundação José Augusto.

O Festival resgata e homenageia o potiguar Antônio Roseno de Lima, artista plástico e fotógrafo nascido no município de Alexandria (1926 +1998) que trabalhou e faleceu em São Paulo, tema de estudo e de publicações do Prof. Geraldo Porto, da UNICAMP e que integra os acervos dos museus de arte bruta na Europa. Roseno, até este resgate feito pela SAPP, com o apoio da professora Isaura Amélia, era pouco conhecido no próprio estado.

Redação

Redação

Obrigado pela visita!

WhatsApp
Telegram
Facebook
Twitter
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *