Escribas Editora propõe doar 170 livros à Biblioteca Câmara Cascudo

O nem tão jovem escriba Carlos Fialho resolveu, como diz o clichê, fazer a sua parte e contribuir para o enriquecimento do combalido acervo da Biblioteca Câmara Cascudo. O equipamento, com obras recentemente concluídas, permanece sem condições de reabertura justo por falta de… livros!

Ao ler a notícia, o escritor e capitão-mor da antiga Editora Jovens Escribas e hoje Escribas Editora, enviou carta à governadora Fátima Bezerra e ao diretor geral da Fundação José Augusto, Crispiniano Neto, para doação dos títulos da editora, totalizando aproximadamente 170 livros publicados ao longo dos 15 anos dos “Escribas”.

Confiram a carta na íntegra:

Recentemente, Natal e Rio Grande do Norte foram contemplados com a conclusão e entrega das obras de reforma realizadas na Biblioteca Pública Câmara Cascudo. No entanto, ao anúncio de término dos trabalhos por parte do Governo do Estado, seguiram-se notícias dando ciência de que o acervo existente precisa ser organizado e que novos títulos devem ser adquiridos para serem disponibilizados a estudantes e população em geral.

Por isso, com o intuito de contribuir com este importante equipamento público, cujo retorno é mais do que simbólico ante a vigente onda de obscurantismo que aflige o país, a ESCRIBAS EDITORA anuncia a doação de um exemplar de cada título ora disponível em nosso estoque.

Promover o acesso livre e gratuito ao conhecimento impresso nas páginas dos livros é uma nobre missão a que se dispõe a Biblioteca Pública Câmara Cascudo. Portanto, nossa casa editorial tem por dever de ofício e coerência com os valores por nós cultivados, participar ativamente deste processo através da cessão de nossas obras sem qualquer custo ao poder público.

Na expectativa de que aceitem nossa oferta, desejamos um ótimo trabalho a todos.

Carlos Fialho

About The Author: Sérgio Vilar

Sérgio Vilar

Jornalista com alma de boteco ao som de Belchior

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *