Archives

Perspectivas para as artes potiguares em 2017

“Tudo como dantes no quartel de Abrantes” é uma expressão portuguesa do tempo napoleônico para dizer que tudo vai ficar na mesmice em várias áreas, principalmente na cultura tupiniquim, seja por falta de uma política cultural eficiente por parte dos governantes ou pela inércia dos empresários que não promovem a arte potiguar, ligando sua marca […]

Leia mais