Festival de teatro promove nove dias de espetáculos em Natal a partir desta sexta

E eis que o festival de teatro ‘O Mundo Inteiro é um Palco’ chega à quinta edição. O evento acontece entre os dias 22 e 30 de setembro em diferentes palcos. O Barracão Clowns e o Aboca Cultural concentrarão o maior número de espetáculos. Mas teremos também apresentações no Anfiteatro da UFRN, no Parque das Dunas e na Vila de Ponta Negra. O Festival também oferecerá ações formativas e de pensamento e oficinas.

Segundo apresentação do Clowns de Shakespeare, grupo idealizador e produtor do festival, este ano será dado o primeiro passo para a internacionalização do festival. Isso graças ao esforço conjunto entre os Clowns, artistas independentes e coletivos parceiros (como Sociedade T, Bobox Produções e ABOCA Cultural), e ABRACE (Associação Brasileira de Pesquisa e Pós-graduação em Artes Cênicas) – cuja IX Reunião Científica ocorre simultaneamente ao Festival.

E para iniciar o festival, o grupo convidado são os companheiros do Malayerba, coletivo equatoriano que é referência em toda Latino-américa. A obra e o modo de encarar o fazer teatral do Malayerba têm sido uma grande fonte de inspiração para o fazer artístico e pedagógico dos Clowns de Shakespeare em seus últimos anos.

“A vinda do Malayerba nos moveu a tomar rumos curatoriais ao encontro da América Latina e seus processos de reconhecimento e pertencimento. Afinal, somos tão diferentes e tão parecidos! Se a primeira condição para modificar a realidade consiste em conhecê-la – como diz Galeano em seu livro As veias abertas da América Latina –, é através do encontro entre artistas e público potiguares, brasileiros e latino-americanos que podemos começar a questionar que aspectos sociais, estruturais e estéticos revelam nossas similaridades e diferenças”, continua a apresentação.

Ao longo de nove dias serão 18 apresentações de 15 espetáculos, oriundos, além do Equador, dos estados de Paraíba, Pernambuco, Ceará, Minas Gerais, São Paulo, e é claro, Rio Grande do Norte. A programação desta edição conta ainda com dois cortejos de bois, duas estreias, uma Mostra Universitária, cinco bate-papos mediados pelos fundadores do portal Farofa Crítica, duas oficinas e três palestras.

Se as veias da América Latina continuam abertas, seu coração não deixa de pulsar.

PROGRAMAÇÃO DOS ESPETÁCULOS

SEXTA (22)

Alegria de Náufragos – Ser Tão Teatro (PB)

Alegria de Náufragos traz em seu centro o emérito professor Nicolai Stepianovitch de Tal, que se depara ao final da sua existência, com uma inevitável análise de si mesmo. Apesar de seu currículo impecável, de ter constituído família e de ser um “homem feliz”, ele gradativamente é submetido a um doloroso processo de falência interior e começa a adquirir clareza sobre o lado patético da sociedade e de suas instituições.

Local: Barracão Clowns
Horário: 21h
Classificação: 12 anos
Ingressos: Entrada Gratuita
Duração do espetáculo: 58 minutos

Ficha Técnica:
Direção: César Ferrario e Giordano Castro
Texto: César Ferrario, Giordano Castro e Ser Tão Teatro
Elenco: Rafael Guedes, Cely Farias e Thardelly Lima
Direção Musical: Marco França
Cenário: Maria Botelho
Iluminação: Polly Barros
Figurinos: Vilmara Georgina
Produção: José Hilton Souza

SÁBADO (23)

Tratados de Mim Mesma na Infertilidade – Sociedade T (RN)

Com uma abordagem feminista, em cena nos deparamos com um fluxo intenso dos pensamentos de uma mulher fragmentada em quatro personalidades vividas pelos intérpretes Mariana Batista, Rozeane Oliveira, Moisés Ferreira e Pablo Vieira.

Local: Barracão Clowns
Horário: 21h
Classificação: 12 anos
Ingressos: R$40,00, R$20,00 (meia), R$10,00 (estudantes de teatro e moradores de Nova Descoberta mediante comprovação).
Duração do espetáculo: 75 minutos

Ficha Técnica:
Direção: Heloísa Sousa
Texto: Heloísa Sousa
Elenco: Mariana Batista; Moisés Ferreira; Pablo Vieira; Rozeane Oliveira
Direção Musical: Gabriel Souto
Cenário: Mathieu Duvignaud
Iluminação: Priscila Araújo
Figurinos: Heloísa Sousa
Produção: Arlindo Bezerra

Gosto de Flor – Arkhétypos Grupo de Teatro (RN)

Quatro homens falando de amor, quatro corpos que dançam suas memórias, suas dores, seus desejos e suas emoções. Entre eles uma flor, que é sentida, cheirada, saboreada, compartilhada e dilacerada num jogo de sedução e desejo… Bocas, corpos e saudades que deixam no ar um gosto de flor…

Local: ABOCA Cultural
Horário: 19h
Classificação: 14 anos
Ingressos: R$30,00, R$15,00 (meia), R$10,00 (estudantes de teatro e moradores de Ribeira e Rocas mediante comprovação).
Duração do espetáculo: 40 minutos

Ficha Técnica:
Direção: Lara Rodrigues Machado
Texto: Criação Coletiva – Arkhétypos Grupo de Teatro
Elenco: Allan Phyllipe, Luã Fernandes, Robson Haderchpek e Thazio Menezes
Trilha Sonora: Caio Padilha
Cenário: Grupo Arkhétypos
Iluminação: Hilca Honorato e Leila Bezerra
Figurinos: Elze Maria Barroso e Grupo Arkhétypos
Produção: Nadja Rossana
Operação de Som: Maria Flor

DOMINGO (24)

Cortejo de Abertura – Boi Galado (RN) e Boi Marinha (PE)

Boi Marinho e Boi Galado se juntam mais uma vez para abrir o mais lindo e querido festival do mundo inteiro. Porque se amam e porque se divertem muito nessa dia…

Local: Barracão Clowns
Horário: 16h
Classificação: Livre
Ingressos: Entrada/Participação Gratuita
Duração do espetáculo: –

Ficha Técnica Boi Marinho:
Direção: Helder Vasconcelos
Texto: Helder Vasconcelos
Brincantes: Helder Vasconcelos, Laura Tamiana, Frank Sosthenes, Jason Job Guimarães Sousa, Ana Carla Ferraz, Francini Barros Pontes, Johann Brehmer, Gustavo Vilar Gonçalves, Lucas de Mendonça Furtado e Juliane Fuchs.
Direção Musical: César Ferrario
Cenário: As ruas de Nova Descoberta
Iluminação: A do mundo
Figurinos: Cada cá com o seu
Produção: Schicó do Mamulengo

Circo Alegria – Grupo Garajal (CE)

A obra conta a história de um grupo mambembe que usa suas habilidades nas artes circenses para conquistar o seu público, passeando por todos os cantos com sua alegria. Quando um dos palhaços chega atrasado e fica fora dos números como castigo, está armada a confusão que tirará gargalhadas de todo o público.

Local: Parque das Dunas (Bosque Encena)
Horário: 10h
Classificação: Livre
Ingressos: R$1,00 (entrada do Parque das Dunas).
Duração do espetáculo: 45 minutos

Ficha Técnica:
Direção: Henrique Rosa
Texto: O grupo
Elenco: Lu Nunes, Rayane Mendes, Sudailson Kennedy, Angellica Gadelha.
Direção Musical: O grupo
Cenário: O grupo
Figurinos: Lu Nunes

SEGUNDA (25)

Dissolva-se-me – Lume (SP)

DISSOLVA-SE-ME é um espetáculo que fala de esquizofrenia, de limites, de saltos, dança e performance já que ser Wi-Fi cansa! Cansa?

Local: Barracão Clowns
Horário: 21h
Classificação: 14 anos
Ingressos: R$40,00, R$20,00 (meia), R$10,00 (estudantes de teatro e moradores de Nova Descoberta mediante comprovação).
Duração do espetáculo: 60 minutos

Ficha Técnica:
Criação: Luis Ferron e Renato Ferracini
Direção e Composição: Luis Ferron
Atuação: Renato Ferracini
Assessoria de Mímesis: Raquel Scotti Hirson
Composição Musical: Marcelo Onofri
Acordeão: Edu Guimarães Sanfona
Voz: Carlos Simioni
Poema Final: Gertrude Stein
Coordenação Técnica: Francisco Barganian
Audiovisual e Registro: Alessandro Poeta Soave
Apoio Administrativo: Cristiane Taguchi e Giselle Bastos
Design Gráfico e Fotografia: Arthur Amaral
Assessoria de Comunicação: Marina Franco
Produção Executiva: Luciene Maeno
Assistente de Produção: Luiza Moreira Salles
Coordenação de Produção: Cynthia Margaret

Cartas Para A Alemanha – Elze Maria Barroso (RN)

Ao relembrar passagens do término de um relacionamento amoroso, a atriz/performer convida os espectadores a ouvirem seus espaços íntimos e explorar os limites entre o real e o ficcional.

Local: ABOCA Cultural
Horário: 19h
Classificação: 11 anos
Ingressos: R$30,00, R$15,00 (meia), R$10,00 (estudantes de teatro e moradores de Ribeira e Rocas mediante comprovação).
Duração do espetáculo: 90 minutos

Ficha Técnica:
Direção: Elze Maria Barroso
Assistente de Direção: Franco Fonseca
Texto: Elze Maria Barroso
Elenco: Elze Maria Barroso
Direção Musical: Elze Maria Barroso
Cenário: Elze Maria Barroso
Iluminação: Franco Fonseca
Figurinos: Elze Maria Barroso
Produção: Elze Maria Barroso

TERÇA (26)

Nuestra Señora de las Nubes – Malayerba (Equador)

A obra tem dois personagens protagônicos: Oscar e Bruna. Eles se encontram por azar em um lugar que não é o deles, em uma terra estranha, e estabelecem uma relação de amizade ao reconhecerem-se como oriundos de um mesmo povoado: Nuestra Señora de las Nubes.

Local: Barracão Clowns
Horário: 21h
Classificação: 12 anos
Ingressos: R$40,00, R$20,00 (meia), R$10,00 (estudantes de teatro e moradores de Nova Descoberta mediante comprovação).
Duração do espetáculo: 80 minutos

Ficha Técnica:
Direção: Arístides Vargas e María del Rosario Francés
Texto: Arístides Vargas
Elenco: María del Rosario Francés e Arístides Vargas
Direção Musical: Alberto Caleris
Direção de Atores: María del Rosario Francés
Cenário: Grupo Malayerba
Iluminação: Gerson Guerra
Figurinos: Grupo Malayerba
Produção: Grupo Malayerba
Operação de legendas em português: Geane Santana

* Este espetáculo contará com legendas em português

Basta Ter a Coragem – Gaya Dança Contemporânea (RN)

O amor e suas várias formas é a base de construção desse espetáculo que nasce dos anseios e das vivências dos intérpretes/bailarinos com o seu ato individual de amar.

Local: ABOCA Cultural
Horário: 19h
Classificação: 14 anos
Ingressos: R$30,00, R$15,00 (meia), R$10,00 (estudantes de teatro e moradores de Ribeira e Rocas mediante comprovação).
Duração do espetáculo: 60 minutos

Ficha Técnica:
Direção: Hyago Pinheiro
Assistência de direção: Cléo Morais
Texto: Hyago Pinheiro e Gaya Dança Contemporânea
Elenco: Carla Cruz, Gabriela Marinho, Luan Fernandes, Monica Lopes, Paulo Sergio Filho, Rodrigo Carlos, Samuel Oliveira e Well Ferreira
Direção Musical: Erih Araujo
Cenário: Hyago Pinheiro
Iluminação: Mauricio Motta
Figurinos: Elze Maria Barroso
Produção: Larissa Kelly

QUARTA (27)

Rei Lear – Remo Produções Artísticas (PE)

Esta obra-prima trágica é encenada apenas com três atrizes vivendo dezenas de personagens em diálogo com trilha sonora ao vivo – um encontro entre a música eletrônica e a música popular. A trama discorre sobre o monarca da Bretanha que, ao chegar à velhice, se vê obrigado a dividir o reino entre suas três filhas.

Local: Barracão Clowns
Horário: 19h e 21h
Classificação: 14 anos
Ingressos: R$20,00, R$10,00 (meia, estudantes de teatro e moradores de Nova Descoberta mediante comprovação).
Duração do espetáculo: 80 minutos.

Ficha Técnica:
Direção: Moacir Chaves
Texto: William Shakespeare
Elenco: Bruna Castiel, Paula de Renor e Sandra Possani
Trilha sonora e execução ao vivo: Tomás Brandão e Miguem Mendes
Cenário: Fernando Mello da Costa
Iluminação: Aurélio de Simoni
Figurinos: Chris Garrido
Produção: Remo Produções Artísticas
Montagem e operação de luz: Luciana Raposo
Produção Executiva: Elias Villar
Produção Geral: Paula de Renor

A Casatória c’a Defunta – Cia. Pão Doce de Teatro (RN)

Cinco atores em “pés-de-banco” contam a história do medroso Afrânio, que está prestes a casar-se com a romântica Maria Flor, mas acidentalmente casa-se com a fantasmagórica Moça de Branco, que o leva para o submundo.

Local: Anfiteatro da UFRN
Horário: 20h
Classificação: Livre
Ingressos: Entrada Gratuita
Duração do espetáculo: 50 minutos

Ficha Técnica:
Direção: Marcos Leonardo
Texto: Romero Oliveira
Elenco: Mônica Danuta, Paulo Lima, Lígia Kiss, Raull Davyson E Romero Oliveira
Direção Musical: Romero Oliveira
Cenário: Marcos Leonardo
Iluminação: Cia. Pão Doce De Teatro
Figurinos: Marcos Leonardo
Produção: Cia. Pão Doce De Teatro
Apoio Técnico: Bárbara Paiva

QUINTA (28)

Danação – Eduardo Moreira (MG)

Um homem narra memórias do tempo vivido por ele dentro do coração de uma mulher, onde conviveu com uma menina que se escondia da morte. Mas nada parece estar evidenciado na memória dele, que se empenha no exercício de lembrar e inventar formas de contar essa história.

Local: Barracão Clowns
Horário: 19h e 21h
Classificação: 12 anos
Ingressos: R$40,00, R$20,00 (meia), R$10,00 (estudantes de teatro e moradores de Nova Descoberta mediante comprovação).
Duração do espetáculo: 50 minutos

Ficha Técnica:
Direção: Marcelo Castro e Mariana Maioline
Texto: Raysner de Paula
Elenco: Eduardo Moreira
Iluminação: Rodrigo Marçal

SEXTA (29)

La Razón Blindada – Malayerba (Equador)

A obra é baseada em “Dom Quixote” de Cervantes, “A verdade sobre Sancho Pança” de F. Kafka, e nas narrações que fizeram Chicho Vargas e outros presos políticos da ditadura argentina dos anos 70, nas imediações da prisão de Rawson.

Local: Barracão Clowns
Horário: 19h e 21h
Classificação: 12 anos
Ingressos: R$40,00, R$20,00 (meia), R$10,00 (estudantes de teatro e moradores de Nova Descoberta mediante comprovação).
Duração do espetáculo: 70 minutos

Ficha Técnica:
Direção: Arístides Vargas
Texto: Arístides Vargas
Direção de atores: Ma. Del Rosario Francés
Elenco: Gerson Guerra y Arístides Vargas
Iluminação: Carolina Vasonéz
Operação de legendas em português: Geane Santana

*Este espetáculo contará com legendas em português

SÁBADO (30)

A invenção do Nordeste – Grupo Carmin (RN)

Dois atores nordestinos disputam o papel de um personagem nordestino. Um diretor é contratado para deixá-los prontos para o teste final. Em 7 semanas eles descobrem que a identidade nordestina que eles defendiam era uma invenção a serviço de alguém.

Local: Barracão Clowns
Horário: 21h
Classificação: 12 anos
Ingressos: R$40,00, R$20,00 (meia), R$10,00 (estudantes de teatro e moradores de Nova Descoberta mediante comprovação).
Duração do espetáculo: 55 minutos

Ficha Técnica:
Direção: Quitéria Kelly
Texto: Henrique Fontes e Pablo Capistrano, inspirado na obra homônima de Dr. Durval Muniz de Albuquerque Jr.
Elenco: Henrique Fontes, Mateus Cardoso, Robson Medeiros
Trilha Sonora: Gabriel Souto
Cenário: Mathieu Duvignaud
Iluminação: Pedro Fiuza
Figurinos: Quitéria Kelly
Produção: Mariana Hardi

Maré – CIDA: Coletivo Independente Dependente de Artistas (RN)

Transpor as nuances do amor para a cena é o início de tudo. MARÉ surge como uma alusão à forma que encaramos e estereotipamos o híbrido deste modo de se relacionar. Uma metáfora sobre a modificação, sobre os diversos níveis, sobre as intensidades e profundidades deste sentimento tão complexo.

Local: ABOCA Cultural
Horário: 19h
Classificação: Livre
Ingressos: R$30,00, R$15,00 (meia), R$10,00 (estudantes de teatro e moradores de Ribeira e Rocas mediante comprovação). Obs.: (Eu)Fêmea e Maré serão apresentados em sequência, mediante o mesmo ingresso
Duração do espetáculo: 30 minutos

Ficha Técnica:
Intérpretes/Criadores: René Loui e Rozeane Oliveira
Direção Artística: René Loui
Direção Coreográfica: Rozeane Oliveira
Produção Executiva: René Loui e Raquel Lucena
Assistente de Produção: Arthur Moura
Imagens de Divulgação: Fernanda Leal / Tiago Lima
Figurino: Rozeane Oliveira
Iluminação: Priscila Araújo
Músico: Paulo de Oliveira – DE OLIVEIRA PRODUÇÕES MUSICAIS
Realização: CIDA – Coletivo Independente Dependente de Artistas.

(Eu)Fêmea – Rozeane Oliveira – CIDA: Coletivo Independente Dependente de Artistas (RN)

O SER MULHER em constante mutação que sublinha ora a precariedade e o nomadismo da consciência e da existência ora as aleluias e as agonias desse ser. Carrega para si o empoderamento e firmeza do seu (Eu) que impulsiona a Fêmea no íntimo do olhar.

Local: ABOCA Cultural
Horário: 19h
Classificação: 16 anos
Ingressos: R$30,00, R$15,00 (meia), R$10,00 (estudantes de teatro e moradores de Ribeira e Rocas mediante comprovação). Obs.: (Eu)Fêmea e Maré serão apresentados em sequência, mediante o mesmo ingresso
Duração do espetáculo: 30 minutos

Ficha Técnica:
Concepção e Coreografia: Rozeane Oliveira
Direção Artística: René Loui
Colaboradores: Álvaro Dantas, Thiago Medeiros, Daniel Silva.
Trilha sonora: Estúdios Megafone
Fotografia: Brunno Martins
Produção Executiva: René Loui e Raquel Lucena
Assistente de Produção: Arthur Moura
Iluminação: David Costa
Realização: CIDA – Coletivo Independente Dependente de Artistas


Todos os detalhes do Festival, AQUI.

About The Author: Sérgio Vilar

Sérgio Vilar

Jornalista com alma de boteco ao som de Belchior

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *