Festival da Meladinha terá shows musicais, comida de boteco e meladinhas especiais

Primeira edição do Festival da Meladinha acontecerá no pátio da Pinacoteca e promete evidenciar um ícone da gastronomia e da boêmia potiguar

Uma ideia inusitada e que pode virar marca registrada e genuína entre os eventos gastronômicos potiguares, o Festival da Meladinha acontecerá neste 1º de abril próximo.

A promoção é do produtor cultural Marcelo Veni e terá o pátio da Pinacoteca do Estado como local e o Bar da Meladinha como fornecedora da tradicional mistura de mel, limão e cachaça.

O evento acontecerá entre 17h e 23h, com shows musicais ainda pendentes de confirmação e também meladinhas especiais de seriguela e de cajá, feitas com o carinho reconhecido de Neide, a proprietária do Bar da Meladinha.

Haverá Meladinha Free para os 100 primeiros que chegarem ao festival e Meladinha Clonada até as 20h. E até um concurso para quem beber mais meladinha.

No 1º Festival haverá comidas de boteco e outras opções de bebidas disponibilizados também por outros parceiros gastronômicos que terão estrutura armada no pátio da pinacoteca.

Com ingressos de R$ 5 a R$ 10, o Festival foi pensado por Marcelo Veni para dar visibilidade à bebida mais famosa do Centro Histórico de Natal.

A meladinha tem referência desde os anos 50, quando o inventor da meladinha, o turco Nazi Canã, popularizou em seu bar do Beco da Lama. Nazi ou Nasi morreu em 2001, vítima de parada cardíaca.

Infelizmente o evento não pode acontecer no Beco da Lama propriamente dito em razão da decisão judicial impetrada pela promotora Rossana Sudário em 2012, que proíbe eventos no local neste horário.

About The Author: Sérgio Vilar

Sérgio Vilar

Jornalista com alma de boteco ao som de Belchior

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *