Confira a programação do Eco Praça em Natal e São Miguel do Gostoso

O Eco Praça, projeto que visa a ocupação e reutilização criativa de praças e espaços públicos, apresentou nesta terça-feira a programação das duas edições especiais do evento que serão realizadas até o final do ano. O projeto foi selecionado pelo programa de patrocínios da Cosern, por meio da Lei de Incentivo à Cultura Câmara Cascudo, e acontecerá nos dias 3 e 4 de novembro, em São Miguel do Gostoso, e em Natal, em 2 e 3 de dezembro.

Foto: Rudá de Melo

“Foi uma felicidade saber que fomos selecionados pela Cosern. Após três anos de atividades percorrendo e levando arte, cultura, cidadania e conscientização a diversos espaços públicos de Natal e interior e um ano sem realizar atividades por falta de patrocínio, ser contemplado nesse edital é um reconhecimento do nosso trabalho. Vamos fazer duas lindas edições. Uma em Natal e outra em São Miguel do Gostoso”, afirma Geraldo Gondim, idealizador e coordenador do Eco Praça.

Para as duas edições o tema abordado será a “Resiliência” e a estrutura será toda em bioconstrução, feita com materiais totalmente ecológicos. Também já está previsto o plantio e distribuição de mudas com objetivo de amenizar os danos causados pela emissão de CO2 nas mais diferentes atividades do dia a dia. Na programação estão previstas a realização de diversas oficinas, Feira de Economia Criativa, Exposição Coletiva Graffiti Expo Natal, apresentações teatrais e circenses com o grupo Tropa Trupe e musicais com as bandas Skarimbó, Luísa e os Alquimistas e Orquestra Greiosa.

O Projeto Eco Praça tem o patrocínio da Cosern – Grupo Neoenergia, via Fundação José Augusto e Lei Câmara Cascudo de Incentivo à Cultura do Governo do Estado do Rio Grande do Norte e apoio do Sebrae/RN, Sinsenat, Prefeitura de São Miguel de Gostoso e Associação dos Empreendedores de São Miguel do Gostoso e Região.

MOBILIZAÇÃO E RECONHECIMENTO

Resultado de diversas ações colaborativas que se iniciaram em 2013, o Eco Praça reuniu e mobilizou muitos participantes e parceiros, em prol da ocupação criativa de diversos espaços públicos. Foram 35 edições realizadas com uma diversificada programação, que teve a participação de cerca de 80 mil pessoas, 400 artesãos e expositores, 120 apresentações culturais, 38 vivências e 38 oficinas realizadas e 40 atividades com temáticas relacionadas ao meio ambiente.

O Eco Praça promoveu ações conjuntas com inúmeras manifestações artísticas e culturais em vários bairros da cidade, em importantes praças e parques públicos de Natal como: Praça Cívica, Praça André de Albuquerque (Praça Vermelha), Área de Lazer do Panatis e Parque de Capim Macio, entre outros. Em 2016, o Eco Praça chegou ao interior do Rio Grande do Norte com a realização do projeto nos municípios de Pedro Avelino e Lajes, em parceria com o Vila Cidadã, ação promovida pelo Governo do Estado.

Em 2015, o projeto foi contemplado, pela iniciativa e reconhecimento das ações realizadas, com a Comenda do Mérito Folclorista Professor Deífilo Gurgel, da Câmara Municipal de Natal; com o “Prêmio Hangar de Iniciativa Cultural”, no 13º Prêmio Hangar de Música; e com o Troféu Cultura como Produtor Cultural do Ano. No mesmo ano, participou do Encontro Brasileiro de Agroecologia Urbana (ENAU), no Rio de Janeiro, e do Festival de Cinema Goiamum Audiovisual. No ano seguinte, a proposta foi incluída na programação de atividades autogestionadas do Fórum Social Mundial, em Porto Alegre.

O projeto foi aprovado na Lei Municipal de Incentivo à Cultura Djalma Maranhão e na Lei Estadual de Incentivo à Cultura Câmara Cascudo, além de ter sido contemplado no Fundo de Incentivo a Cultura – FIC, da Prefeitura do Natal, em 2016. No mesmo ano, o Eco Praça chegou ao interior do Rio Grande do Norte com a realização do projeto nos municípios de Pedro Avelino e Lajes, em parceria com o Vila Cidadã, ação promovida pelo Governo do Estado.

SOBRE O ECO PRAÇA

O projeto Eco Praça é um movimento sociocultural de ocupação e ressignificação criativa de praças e espaços públicos sob a perspectiva de ações colaborativas que englobam arte e cultura, lazer, economia solidária e criativa, educação ambiental, esporte e qualidade de vida, com intervenções lúdicas, promovendo a conscientização socioambiental e transformação desses espaços.

O Eco Praça incorpora em seu conceito diversas experiências culturais atreladas a discussões relacionadas ao direito à cidade, com o objetivo de despertar na população participante o interesse pela gestão comunitária dos espaços públicos.

A ação é idealizada e promovida pelo Instituto Ancestral, organização social autônoma e popular que desenvolve ações afirmativas de caráter cultural, político e eco pedagógico com o objetivo de promover e difundir habilidades para alcançar um modo de vida sustentável.

Programação Eco Praça São Miguel do Gostoso

QUINTA – 02/11

– Oficina de Bioconstrução com Geovane Almeida – Mestre em Dinâmica Socioambiental e reestruturação do território
Mutirão de Revitalização da Praça Nilo Neri

SEXTA – 03/11

– Palestra: Criatividade no processo de criação e gestão da marca que transforma ideias em moda e Kombi em loja itinerante com Raoni Fernandes – Pós-graduado em Marketing e CEO da Sem Etiqueta)

– Teatro: Espetáculo Sancho Pança – Tropa Trupe
– Música: Forró com o Trio Ariado

SÁBADO – 04/11

– Oficina de Compostagem – Como reaproveitar os resíduos orgânicos das residências e as relações entre as pessoas, o consumo e o meio ambiente com o permacultor Hugo Diógenes
– Arte Urbana – Oficina e ação de Graffiti e Exposição Coletiva Graffiti Expo Natal

– Feira de Economia Criativa – Sebrae/RN
– Intervenção Circense – Tropa Trupe

Música:

Skarimbó
Luísa e Os Alquimistas
Orquestra Greiosa

About The Author: Redação

Redação

Obrigado pela visita!

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *