Companhia de Teatro inicia circuito de espetáculo em 5 cidades potiguares

Durante o mês de agosto a Cia. Pão Doce de Teatro entra em turnê pelo Rio Grande do Norte em um projeto de circulação que contempla cinco cidades.

O Circuito RN é uma iniciativa do grupo em parceria com o SESC regional, que na ocasião indicou as cidades de São Paulo do Potengi, Nova Cruz e Macaíba para receberem o grupo pela primeira vez, nos dias 15, 16 e 17 respectivamente.

A Capital Natal receberá a Cia. Pão Doce de Teatro no dia 18 e a apresentação acontecerá na Zona Norte, como forma de descentralizar as ações culturais da cidade.

O grupo finalizará o circuito fazendo parte da programação de aniversário do Teatro Municipal Dix-Huit Rosado, e a cidade de Mossoró receberá os seus conterrâneos no dia 29 de agosto.

A CASATÓRIA C’A DEFUNTA

“A Casatória c’a Defunta” é uma comédia romântica para a rua, palco e espaços alternativos, que surgiu a partir de uma pesquisa desenvolvida pela Cia. Pão Doce de Teatro nas zonas rurais do RN, com o objetivo de descobrir a partir da arte, formas de debater sobre a vida e a morte segundo o imaginário popular.

Com uma linguagem popular que assimila costumes, crenças e sonoridades dos rincões brasileiros, o trabalho situa seu encantamento em uma revalorização da ingenuidade, animada por gracejos e humor físico, como a voz esganiçada de Maria Flor, a noiva viva prometida a Afrânio antes de seu casamento equivocado com uma morta.

Esse tratamento lúdico se dispõe a celebrar o amor e a revelar a beleza do singelo, proporcionando aos espectadores novas sensações e boas reflexões sobre a pós-vida, e sobre a cultura popular e sua preservação.

O grupo utiliza na construção cenográfica do espetáculo, elementos redefinidos em suas funções a partir da poética “estética da pobreza” do cenógrafo, figurinista e diretor Marcos Leonardo, que utiliza no figurino, adereços e cenário: lona, estopa, madeira de descarte, cobertores, couro, vara de pescar, retalhos de tecidos, calçados velhos, e iluminação de baixo consumo.

O jogo dinâmico dos atores dentro de uma partitura que transita entre o coletivo e o indivíduo, assim como a artesania com que armam as cenas sobrepõem texturas às peripécias de Afrânio.

A história serpenteia entre as diversas vozes presentes: ora faz-se música, ora diálogo, ora narração de um coro que também maneja os elementos cênicos, transformando os cenários. Com poucos objetos, como os banquinhos usados sob os pés (numa releitura das pernas de pau), os atores criam uma teatralidade acentuada, com momentos de poesia sonora e visual.

Com um texto delicado e metafórico, o autor Romero Oliveira retrata uma história de amor, amizade, respeito e equilíbrio entre os mundos real e espiritual, mostrando através da cena e da música, vida e morte como distintas e ao mesmo tempo equivalentes, navegando entre os ritmos populares do nordeste e canções autorais executadas ao vivo.

CIA. PÃO DOCE DE TEATRO

Após quinze anos dedicados ao teatro para todas as idades, a Cia. Pão Doce de Teatro figura hoje entre os importantes grupos teatrais no cenário cultural norte-riograndense.

Desenvolvendo um trabalho investigativo com foco na construção da presença do ator e da música como elemento de dramaturgia, a Cia. Pão Doce continua aperfeiçoando as suas produções e métodos de interagir com o cenário local, colaborando sempre para a pluralidade cênica na cidade de Mossoró.

O grupo já circulou por mais de 70 cidades entre 19 estados brasileiros e desenvolveu durante dois anos um trabalho em mais de vinte zonas rurais no estado do Rio Grande do Norte, com o “Projeto Pão Doce na Rural”, o processo despertou na Companhia o interesse de estar cada vez mais próximo do público, surgindo assim em 2014, o primeiro espetáculo para a rua e espaços alternativos, “A Casatória c’a Defunta”.

Contemplado com o Prêmio Fomento de Incentivo às Artes, este é o primeiro espetáculo do grupo que conta com texto e músicas autorais.

A Cia. Pão Doce de Teatro traz em seu currículo participação em importantes festivais nacionais e internacionais.

– Foi contemplada em 2014 com o Prêmio Funarte Artes na Rua.
– Representou o RN no Intercâmbio Cultural Palco Giratório 2015 (RN-GO) e no 22º Festival Nordestino de Teatro de Guaramiranga, ficando entre os três melhores espetáculos da Mostra Nordeste segundo o júri popular com o espetáculo “A Casatória c’a Defunta”.
– Participou da Aldeia Sesc Seridó 2015, XI Mostra Ariús de Teatro, do III Festival O Mundo Inteiro é um Palco, organizado pelo grupo Clowns de Shakespeare, do 6º Festival Popular de Teatro de Fortaleza, 17ª Mostra Sesc Cariri de Culturas, do 3º Festival Nacional de Teatro de Rua do Ceará, do 17º encontro da Rede Brasileira de Teatro de Rua.
– Foi selecionada para integrar o Circuito Palco Giratório 2016.
– Recebeu duas indicações ao Troféu Cultura RN 2016 nas categorias de “Melhor Ator” e “Melhor
Atriz” e duas indicações ao Prêmio Cenym do Teatro Nacional nas categorias “Melhor
Cia. de Teatro” e “Melhores adereços e objetos de cena” levando para casa os troféus de
“Melhor Ator” e “Melhores adereços e objetos de cena”.
– Em 2017 foi convidada a compor a programação do Circuito Sesc de Artes (SP).
– Participou do Festival Internacional de Teatro de São José do Rio Preto e da Festa Literária Internacional de Paraty – FLIP (RJ).

A G E N D A

Dia 15 – São Paulo do Potengi – Praça da Matriz – 19h (entrada franca)
Dia 16 – Nova Cruz – Casa de Cultura – 19h (entrada franca)
Dia 17- Macaiba – Galpão de Cultura -19h (entrada franca)
Dia 18 – Natal – SESC Zona Norte -19h (entrada franca)
Dia 29 – Mossoró – Teatro Municipal – 19h (sessão a preço popular R$ 10 e R$ 5)

Ficha Técnica

Direção | Marcos Leonardo Elenco | Ligia Kiss, Mônica Danuta, Paulo Lima, Raull Davyson, Romero Oliveira Texto | Romero Oliveira Concepção e Direção Musical | Romero Oliveira Cenografia e Figurino | Marcos Leonardo Contrarregra | Bárbara Paiva Maquiagem | Cia. Pão Doce de Teatro Fotografia | George Vale Designer | Igor Castro Produção | Cia. Pão Doce de Teatro

About The Author: Redação

Redação

Obrigado pela visita!

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *