Veja como participar da Associação de Críticos de Cinema do RN

Associação de Críticos de Cinema do Rio Grande do Norte (ACCiRN) pede publicação de 12 textos sobre cinema durante ano e 10% do valor do salário mínimo como anuidade

A sétima arte possui papel importante na vida de milhares de pessoas. Algumas decidem sair das conversas cotidianas e se aventuram na escrita de suas impressões sobre cinema nas redes sociais. Outras transcendem a simples opinião pessoal e estudam a linguagem e as produções cinematográficas. E por fim, têm os que definitivamente saem do amadorismo e buscam aperfeiçoar-se como profissionais desta área.

Após convocação pública e a realização de três encontros, cerca de 22 participantes contribuíram na elaboração do Estatuto da Associação de Críticos de Cinema do Rio Grande do Norte (ACCiRN) e no dia 11 de dezembro de 2017, na Escola de Música da UFRN foi eleita a chapa “Pioneiros”, presidido por Dan Hetzel e o veterano cineclubista Nelson Marques como vice-presidente.

A entidade surgiu para garantir direitos e regulamentar a profissão, dialogando com outras Associações, festivais, distribuidoras de filmes e exibidoras de cinema. A princípio, desenvolvida de forma paralela por Dan Hetzel e Nelson Marques, o esboço de uma Associação ganhou substância diante do empenho empregado por todos os envolvidos que permitiu que a ACCiRN fosse montada praticamente em menos de um mês desde a primeira reunião.

O senso coletivo presente em sua concepção permitiu a formação de uma chapa única de consenso batizada por “Pioneiros”, o qual foi aprovada por unanimidade pelos membros presentes.

Além de um site, que garantirá aos membros da ACCiRN espaço para publicação de suas críticas cinematográficas e a eleição do Melhor Curta-Metragem Potiguar a ser realizado no ano de 2018, a Associação intenciona ganhar reputação no âmbito nacional e internacional, visa pleitear participação em festivais de cinema, impulsionar o audiovisual local e requerer que as redes de cinema do Estado estejam no cronograma de lançamentos de importantes filmes no país, entre outras ações do gênero.

Para se associar, o crítico de cinema deverá se comprometer a publicar ao menos 12 textos sobre o assunto em qualquer meio de comunicação e pagar a anuidade que corresponde a 10% do salário mínimo em vigor no Brasil.

Para maiores informações:

(84) 99949-1000, 99406-8177, 98882-2451 ou pelo e-mail
contato.accirn@gmail.com

About The Author: Sérgio Vilar

Sérgio Vilar

Jornalista com alma de boteco ao som de Belchior

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *